Comer camarão menstruada faz mal? | Veja.

Seja em casa, na praia ou no restaurante, difícil mesmo é resistir a um bom camarão. Porém, há quem diga que comer camarão menstruada faz mal.

A lista de proibições durante a menstruação é bem grande, vai desde alimentos, andar descalça ou até lavar a cabeça.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Contudo, antes de mudar a sua rotina por causa dessas crenças, é preciso saber se possuem fundamentos na ciência.

Afinal, pode comer camarão menstruada?

O camarão não deve ser consumido por pessoas alérgicas ou intolerantes, porém é permitido durante o período menstrual.

Isso porque não há evidências científicas que o alimento seja prejudicial quando a mulher está menstruada.

No caso do camarão, o risco não está associado ao período menstrual, mas sim a condição de saúde da mulher.

Por exemplo, quem tem alergia ou intolerância a frutos do mar, não deve ingerir o alimento.

Além disso, se você tem níveis elevados de ácido úrico, vale a pena evitar ou limitar o consumo do camarão, pois ele é rico em purinas.

Em suma, as purinas são substâncias que em excesso no corpo aumentam os níveis de ácido úrico.

Quais os sintomas da alergia ao camarão?

Os peixes e frutos-do-mar tem alto potencial de causar reações alérgicas, podendo gerar sintomas graves como;

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
  • Vômito
  • Caroços
  • Falta de ar
  • Cólicas 
  • Dor de cabeça
  • Inchaço sob a pele
  • Tontura
  • Diarreia
  • Tosse
  • Coceira

Contudo, esses sintomas só ocorrem em pessoas com predisposição genética, não acometendo a todos.

Sendo assim, se o camarão faz parte da sua dieta e nunca provocou reação adversa, é possível que não seja o seu caso.

Todavia, se após a ingestão apresentar quaisquer dos sintomas citados, é recomendado buscar imediatamente ajuda médica.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Benefícios do camarão

Apesar da fama de vilão, o camarão contém nutrientes que são essenciais quando a mulher está menstruada.

A nutricionista americana Brianna Elliott, explica que o alimento é baixo em calorias e não tem carboidratos.

Segundo o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, em 100 gramas de camarão, há 99 calorias.

Além disso, o alimento é fonte do mineral ferro, o qual é um nutriente importante para a saúde feminina.

O camarão também contém ácidos graxos ômega 3, que segundo estudos, são gorduras capazes de melhorar o humor e combater a inflamação no corpo.

Mais um benefício, é seu teor em magnésio, um mineral que ajuda a aliviar cólicas e reduz a retenção de líquidos, que é algo comum durante a menstruação.

Vale destacar que camarão carrega outros nutrientes essenciais para o corpo, confira a relação abaixo:

  • Vitamina B12
  • Proteínas
  • Cálcio
  • Potássio
  • Selênio
  • Zinco e colina

O camarão é rico em sódio

Antes e durante a menstruação, uma queixa comum entre as mulheres, é o inchaço corporal, que dá aquela sensação de ganho de peso.

A retenção de líquidos nessa fase é devido ao aumento do hormônio progesterona no corpo da mulher.

Este hormônio ativa a aldosterona, fazendo com que os rins retenham mais água e sal. Por isso, esse processo provoca inchaço em áreas como rosto, seios, braços e abdômen.

Dessa forma, a alta ingestão de alimentos ricos em sódio podem piorar esse quadro, dando aquela sensação de ganho de peso.

Por esse motivo, o ideal é ter controle com o sal adicionado no camarão ou qualquer fruto do mar.

Colégio Americano de Obstetras e Ginecologistas recomenda ainda moderação com alimentos ricos em gorduras saturadas e açúcar.

Vale lembrar que a versão embalada ou empanada do camarão carrega taxas maiores de sódio que o alimento fresco.

Confira o teor de sódio em 100 gramas de camarão, frango e sardinha.

Alimento sódio
Camarão cozido367 mg
Frango51 mg
Sardinha inteira cru60,4 mg
Fonte: tabela TACO

Embora o camarão seja mais rico em sódio, não é preciso excluí-lo do cardápio, mas consumi-lo sem exageros!

De olho na procedência

Outra questão sobre os perigos do camarão, são as possíveis contaminações, sendo algo muito comum em frutos do mar.

Isso porque esses alimentos podem estar contaminados por microrganismos ou altos índices de substâncias tóxicas.

Portanto, para evitar esses problemas, é preciso buscar sempre por crustáceos de boa procedência.

Por exemplo, ao comprá-los, veja se a cauda e a cabeça estão presas ao corpo, pois quando não estão, indica que o fruto-do-mar está velho.

Outro cuidado, é verificar se a casca está firme e brilhante, sem manchas amarelas ou escuras, pois o camarão deve ter o cheiro suave do mar.

Na hipótese do alimento estar congelado, observe a embalagem, já que ela deve ter impressa no rótulo o fabricante e data de processamento.

Considerações finais.

Hoje explicamos se faz mal comer camarão menstruada, porém vimos que vários fatores devem ser considerados.

Com ajuda de um médico e nutricionista é possível criar um plano alimentar adequado às suas necessidades e condições de saúde.

Por isso, é muito importante consultar o profissional antes de fazer qualquer alteração em sua dieta.

Esperamos que tenham gostado da matéria e até a próxima!


Marianne Rocha – Nutricionista

Revisão: Marianne Rocha. Nutricionista Mestra em Ciências – FSP/USP Pós-graduanda em Nutrição Esportiva – CEFIT

Artigos Relacionados