Kibe Engorda? | Assado ou frito? | Descubra bem aqui!

O kibe é uma tradição da culinária árabe que caiu no gosto dos brasileiros, mas será que kibe engorda?

Afinal, será que o quitute é rico em calorias? Tem ou não carboidratos? E qual a melhor opção na dieta, assado, cru ou frito?

Para respondermos essa e outras perguntas, nosso site trouxe uma análise completa sobre o alimento, e claro, você confere em primeira mão por aqui!

As informações a seguir, nos revelam o perfil nutricional do kibe, de acordo com seu modo de preparo, número de calorias e muito mais.

kibe assado, frito ou cru, qual a melhor opção?

kibe assadokibe fritokibe cru
136 calorias254 calorias109 calorias
12,9 carboidratos12,3 carboidratos10,8 carboidratos
2,7 gorduras15,8 gorduras1,7 gorduras
Fonte: tabela TACO. Porção 100g

Kibe realmente engorda?

Ao observarmos a tabela acima, percebemos que o kibe preparado frito, apresenta maior teor de gorduras e calorias que a versão assada ou cru.

Assim, para aqueles que desejam estar de bem com a balança, vale apena considerar a forma de preparo.

É bom lembrar, que embora o kibe cru apresente menor teor calórico, o prato também pode aumentar os riscos de contaminações por micro-organismos, em destaque para as gestantes.

Já para a boa forma, não é preciso dar adeus ao kibe em sua dieta, pois em porções moderadas, certamente o alimento não vai afetar o seu peso.

O quibe tradicional, feito de triguilho e carne moída, sem o acréscimo de ingredientes calóricos ou processados, é nutritivo, pois é fonte de proteínas, fibras e outros nutrientes fundamentais para o corpo.

Diferentemente de pratos como a coxinha, empada ou pizza, que são feitos com farinha branca refinada, que contém poucas fibras alimentares, o kibe é produzido com triguilho também chamado de bulgur.

O triguilho é um cereal integral bastante nutritivo, baixo em gorduras e altamente rico em fibras, as quais auxiliam no controle do peso, pois promovem saciedade e melhoram o funcionamento do intestino.

Além disso, o triguilho utilizado no quibe, é rico em vitaminas do complexo B, proteínas e vários minerais, o que faz do kibe saboroso e nutritivo!

Posto isto, o consumo do kibe, quando moderado e associado a uma dieta balanceada e nutritiva, não causará o ganho de peso.

No entanto, convém destacar, que qualquer alimento pode engordar quando a ingestão calórica é maior que a gasta.

Portanto, a seguir, confira algumas dicas necessárias para incluir o quibe em sua dieta sem engordar!

Como consumir o kibe e ainda manter a boa forma e saúde?

O que torna verdadeira a afirmação que kibe engorda, são os exageros alimentares e o abuso nos acompanhamentos típicos do prato.

Molhos ou recheios ricos em calorias também aumentam o valor energético no alimento, e consequentemente o número de calorias ingeridas.

Por exemplo, 1 colher de sopa do ketchup tradicional, eleva entre 14 a 16 calorias na refeição, como também acrescenta mais sódio ao lanche.

Da mesma forma, a maionese, mostarda e outros molhos, não só agregam mais sabor aos alimentos, mas também calorias a mais.

Portanto, vale apena ter equilíbrio e buscar receitas de kibe alternativas, como as que utilizam ingredientes com menor teor calórico.

Já acompanhamentos como refrigerantes tornam a refeição mais rica em calorias, o que inegavelmente aumentam as chances do ganho do peso.

Como vimos, o modo de preparo também torna o quibe mais calórico, como no caso da fritura, que acrescenta calorias extras ao alimento.

Note que, a cada grama de gordura contém 9 calorias, enquanto o carboidrato ou a proteína apresentam 4 kcal.

Além disso, a ingestão de alimentos preparados fritos, contribuem para o aumento do risco de diabetes e doenças cardíacas.

É o que demonstrou um estudo liderado por pesquisadores da Escola de Saúde Pública de Harvard e da Universidade Nacional de Cingapura.

Após mais de duas décadas de pesquisa, examinado 100.000 homens e mulheres, os pesquisadores descobriram que pessoas que consomem alimentos fritos pelo menos uma vez por semana, tinham maior risco de desenvolver doenças do coração e diabetes tipo 2.

Inclusive, este risco aumentava de acordo com a frequência que eram consumidos esses alimentos, ou seja, quanto maior a frequência, maior é o risco.

Portanto, para o controle do peso e vida mais saudável, é recomendado dar preferência no dia a dia, aos alimentos preparados assados, grelhados ou cozidos.

Já as frituras o sugerido é consumir de maneira moderada e esporadicamente, assim como os alimentos processados.

Por fim, pensando no seu bem-estar e boa forma, nosso site trouxe uma super receita de kibe assado feito com aveia, achou interessante? Então confira essa delícia!

Receita de quibe de aveia fit

Ingredientes, anote aí!

  • 1 colher de azeite de oliva extra virgem.
  • 1 cebola roxa ralada.
  • 1 ovo.
  • 1 abobrinha verde cozida picada.
  • 190 gramas de aveia em flocos finos.
  • sal a gosto.

Recheio

  • 180 gramas de frango cozido desfiado.
  • Sal, salsinha e cebolinha a gosto.

Modo de Preparo.

  1. Misture os ingredientes até obter uma massa com liga, o suficiente para formar um bolinho.
  2. Com o dedo ou com ajuda de uma colher, faça uma abertura no bolinho e adicione o recheio.
  3. Adicione os quibes em uma forma já untada com azeite.
  4. Leve ao forno em uma temperatura de 180° por 20 minutos.
  5. Deixe esfriar e sirva!

Veja também! Canjiquinha engorda mesmo?

Considerações finais

Como demonstramos, diversos fatores devem considerados antes de afirmar se kibe engorda ou não.

No entanto, o principal deles, é aprender consumir o alimento com ponderação, dentro de uma dieta, balanceada, diversificada e nutritiva.

Assim como praticar atividades físicas regularmente, ajuda evitar o acúmulo de calorias no corpo e assim o ganho de peso.

Para mais informações, sempre conte com ajuda de um nutricionista para auxiliar em sua dieta, nós vamos ficando por aqui e até a próxima.